in

Secretaria de Esportes reestrutura escolinhas e prioriza crianças e adolescentes

Jovens a partir dos 6 anos de idade podem praticar modalidades gratuitamente na cidade

A Secretaria de Esportes, Lazer, Cultura e Turismo de Nova Odessa está reestruturando as escolinhas que atendem mais de 1.200 crianças e adolescentes na cidade. A ideia é priorizar a prática esportiva entre os jovens, tendo em vista a limitação de recursos na pasta com a permanência da crise econômica no país. Nos últimos dias, o handebol e o basquete infantis realizaram viagens para amistosos.

“Diante da situação financeira que persiste de crise no Brasil, causando a escassez de recursos públicos, temos de priorizar algumas questões no esporte”, pondera o secretário Levi Rodrigues Tosta. “Não temos condições de investir nos adultos nesse momento, como por exemplo custear campeonatos de futebol, buscando parcerias pra isso. Mas não abrimos mão das crianças e adolescentes”, diz.

“Estamos reestruturando as escolinhas do município”, reforça Levi Tosta. Como exemplo, o Handebol sub-12, tanto masculino como feminino, participou no último dia 30 de um Mini Festival amistoso na cidade de Araras, com a presença de jovens de Rio Claro. “São ações de fomento do esporte local”, ressalta o secretário. Outro caso foi o basquete infantil, que esteve em Hortolândia para disputa da Copa da Amizade.

Professora de handebol, Raquel Prado ressalta a importância de desenvolver a atividade esportiva nos jovens. “É uma alegria ver os olhinhos das crianças brilhar ao jogar contra outros municípios, em viajar de ônibus e vestir o uniforme da cidade”, enaltece. “É importante manter as atividades em várias categorias, priorizando o esporte entre os jovens”, completa.

Social – Também professor no handebol, Roger Prado destaca a importância social em manter as atividades esportivas com os jovens locais. “O trabalho social ligado ao esporte em Nova Odessa é contínuo, nunca parou”, frisa. “Por meio de competições amistosas, são mantidas as atividades com os jovens de até 14 anos no handebol”, exemplifica Prado, que é árbitro profissional na área.

Publicidade
dom-bosco-jno

Através da Secretaria de Esportes, Lazer, Cultura e Turismo, a Prefeitura de Nova Odessa oferece aulas gratuitas em 11 atividades para crianças a partir dos 6 anos de idade. As aulas são realizadas nos ginásios e campos de futebol da cidade, com as turmas de 2018 funcionando desde o mês de fevereiro. Atualmente são aproximadamente 1.200 jovens, entre 6 e 17 anos, participando das modalidades.

Nos ginásios municipais do Jardim Santa Rosa, Jardim Santa Luiza e Jardim São Manoel, além dos campos de futebol do Progresso, Jardim Alvorada e São Manoel, ocorrem as aulas de futsal, futebol, handebol, basquete e vôlei. Por sua vez, o Ginásio do Jardim São Jorge também recebe algumas modalidades, mas no momento o espaço está passando por reformas de completa revitalização.

No Ginásio do Jardim Santa Rosa também são desenvolvidas atividades, com professores voluntários: aulas de muay thai, kung fu, taekwondo, judô, damas e xadrez. Existem ainda aulas gratuitas de zumba, que ocorrem de quinta-feira, das 19h às 20h, no Ginásio do Santa Rosa. Mais informações podem ser obtidas na Secretaria de Esportes – Rua João Bassora, 543, Jardim Santa Rosa – e no telefone 3498-1561.

Ginásio fechado

O Ginásio Municipal de Esportes Jaime Nércio Duarte, no jardim Santa Rosa, estará fechado para dedetização. O espaço somente será reaberto ao público na próxima terça, 10. Para não prejudicar o calendário esportivo e os usuários do local, o secretário de Esportes, Cultura e Lazer, Levi Tosta, informou que a ação será realizada aproveitando a parada para o jogo do Brasil, ontem à tarde e o feriado estadual de segunda-feira, 9 de julho, Dia da Revolução Constitucionalista. “Na terça-feira o ginásio será reaberto normalmente e sem risco de contaminação após permanecer três dias fechado”, disse.