in

Vacinação contra gripe é prorrogada e estendida para todas as idades em Nova Odessa

O governo também prorrogou a campanha oficialmente até o próximo dia 24

vacinacao-contra-gripe-e-prorrogada-e-estendida-para-todas-as-idades-em-nova-odessa-jno
Publicidade
detran-jno

Depois de quase três meses restrita a grupos prioritários, a vacina contra a gripe será disponibilizada a pessoas de todas as idades a partir desta quinta-feira (2), em Nova Odessa. A medida foi anunciada na terça (30) pelo governador João Doria e confirmada nesta quarta (1°) pelo GVE (Grupo de Vigilância Epidemiológica) de Campinas, braço da Secretaria Estadual de Saúde responsável pela distribuição de vacinas na região. O governo também prorrogou a campanha oficialmente até o próximo dia 24.

A extensão da vacinação contra a gripe foi definida após reunião do governador com especialistas e tem por finalidade a proteção da população em geral contra o vírus Influenza, reduzindo o número de pacientes com sintomas respiratórios na rede de saúde paulista. Para receber a dose da vacina, basta o morador se dirigir à UBS (unidade básica de saúde) mais próxima da sua casa e levar a carteira de vacinação.

No entanto, integrantes de todos os grupos prioritários inseridos na campanha – incluindo pessoas com doenças crônicas, com deficiência, profissionais dos Correios e da limpeza urbana – ainda podem procurar os postos. Balanço divulgado na semana passada pela Vigilância Epidemiológica aponta que apenas 48,86% das mães no pós-parto havia sido imunizadas. Entre o público-alvo da terceira e última etapa da campanha o índice de cobertura também foi baixo em crianças de 6 meses a 6 anos incompletos (54,8%) e gestantes (57,6%). A meta é atingir 90%. Focos da primeira fase da imunização, idosos e profissionais de saúde foram todos vacinados na cidade, segundo a Secretaria de Saúde.

De acordo com a Secretaria de Saúde, o município dispõe de 1.650 doses da vacina. A população poderá ser imunizada enquanto durarem os estoques nos postos de vacinação.

A imunização ocorre de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 15h30, nas UBS’s do Centro, São Jorge, São Manoel, São Francisco, Alvorada e Marajoara. Iniciada em março, a campanha terminaria em 5 de junho, mas foi prorrogada pelo Ministério da Saúde por conta da baixa adesão entre crianças, grávidas e puérperas. A vacina não protege contra o novo coronavírus. No entanto, como é eficaz na prevenção ao vírus Influenza (A-H1N1, A-H3N2 e B), auxilia os profissionais de saúde na identificação de infectados pelo novo vírus.