Porta de ambulância é amarrada com lençol para impedir queda de paciente grávida

porta-de-ambulancia-e-amarrada-com-lencol-para-impedir-queda-de-paciente-gravida-jno
Publicidade
detran-jno

A polêmica em torno das péssimas condições das ambulâncias municipais ganhou mais um triste capítulo: flagrante feito na última quarta-feira, dia 20, em plena região central de Nova Odessa, mostra as portas traseiras de uma ambulância literalmente amarradas com um lençol. O veículo transportava uma paciente grávida, que estava sendo levada para o Hospital Estadual de Sumaré. Segundo a mãe desta mulher – que também estava na ambulância e pediu para não ser identificada -, as portas se abriram com o veículo em movimento pela Avenida Carlos Botelho.

“Eu gritei na hora e o motorista parou a ambulância e amarrou as portas porque elas não fechavam mais”, contou a novaodessense. Além da paciente gestante, da sua mãe e do motorista, uma enfermeira também estava no veículo.

O JNO questionou a Prefeitura sobre o ocorrido, mas não houve retorno até a publicação desta reportagem. Leia a matéria completa na edição impressa do JNO deste sábado.