in

Pior semana da pandemia termina com 631 novos casos e 9 mortes

Em dois dias – quarta e quinta -, boletim trouxe mais de 200 confirmações; cidade se aproxima dos 5 mil casos da doença e chega a 179 moradores mortos por complicações do novo coronavírus

pior-semana-da-pandemia-termina-com-631-novos-casos-e-9-mortes-jno
Publicidade
detran-jno

Nova Odessa encerrou a sua pior semana da pandemia com a confirmação de novos 631 casos de Covid-19 e mais nove óbitos causados por complicações do novo coronavírus. O número de infectados na cidade está bem próximo de 5 mil e o total de mortes subiu para 179. Em dois dias – quarta e quinta-feira -, o boletim divulgado pela Vigilância Epidemiológica trouxe mais de 200 casos positivos (207 na quarta e 201 na quinta).

Com os novos resultados de exames liberados na sexta-feira, o total de óbitos em investigação caiu de 13 para quatro (-9), e os casos suspeitos aguardando o resultado de exames foram reduzidos de 574 para 441 (-133). Os pacientes já considerados curados são agora 4.374 (+86).

Entre as sete mortes trazidas no boletim desta sexta-feira, dois óbitos são de meses anteriores a junho: um idoso de 93 anos do Jardim Santa Rita, que faleceu dia 30/04 no Hospital Municipal, e de uma idosa de 79 anos, da área rural da cidade, que faleceu dia 24/05 na UR (Unidade Respiratória do Jardim Alvorada).

Faleceram da doença também um homem de 35 anos morador do Jardim Capuava (em 1º de junho), uma mulher de 57 anos moradora do Jardim Bela Vista (04/06), um idoso de 60 anos morador da Vila Azenha (07/06), um homem de 45 anos do Jardim Santa Luiza e um idoso de 78 anos do Monte das Oliveiras (ambos no dia 16/06). Todos eles estavam sob cuidados médicos na UR do Alvorada.

O número de moradores de Nova Odessa internados com sintomas respiratórios ou de SRAG (Síndrome Respiratória Aguda Grave) caiu de 56 para 54 em 24h, ainda dentro da média das últimas semanas. Eram, na manhã do dia 18/06, 12 pacientes (-2) internados na UR do Alvorada, os mesmos 8 na nova ala respiratória do Hospital e Maternidade Municipal (dois a mais que no dia anterior) e os mesmos 34 em UTIs (Unidades de Terapia Intensiva) de hospitais de outras cidades da região e do Estado.

Apesar de a campanha de vacinação contra a Covid-19 continuar avançando diariamente em Nova Odessa, a Secretaria Municipal da Saúde sempre reforça a necessidade de se continuar mantendo os cuidados para combater a disseminação do novo coronavírus enquanto durar a pandemia, principalmente o uso constante de máscaras, a higienização das mãos com água e sabão ou álcool gel a 70% e o isolamento social, evitando-se aglomerações.