in

Passarela é pichada em Nova Odessa três dias após pintura ser concluída

O secretário de Obras, Projetos e Planejamento Urbano, Elvis Ricardo Garcia, o Pelé, lamentou o ato de vandalismo, descoberto durante vistoria realizada na manhã desta segunda-feira, dia 17.

A passarela que liga os bairros jardim Flórida e Nossa Senhora de Fátima, em Nova Odessa, foi pichada apenas três dias após o término dos trabalhos de pintura. Ela vem sendo revitalizada pela Prefeitura, que realiza a limpeza, hidrojateamento e troca de elementos estruturais, além da própria pintura. O secretário de Obras, Projetos e Planejamento Urbano, Elvis Ricardo Garcia, o Pelé, lamentou o ato de vandalismo, descoberto durante vistoria realizada na manhã desta segunda-feira, dia 17.

“Para nós, uma surpresa bastante desagradável. Iniciamos a revitalização da passarela há duas semanas e logo após a pintura ser concluída, temos que enfrentar esse tipo de situação. É degradação do patrimônio público. Desperdício do dinheiro público. Por isso peço que a população denuncie quando ver alguém agindo dessa forma. Pichação é crime”, lembrou o secretário.

Mais de 300 pessoas passam pelo local todos os dias. A passarela tem de 29 metros de extensão e liga a região central aos bairros da margem direita do rio.  A passarela serve exclusivamente para pedestres e ciclistas, e liga a região central, via Jardim Flórida, ao Jardim Nossa Senhora de Fátima e bairros adjacentes. Mais precisamente, a obra interliga a Rua Miguel Bechis Filhos com a Rua Alexandre Bassora (próximo à portaria da empresa Feltrin).

Publicidade
dom-bosco-jno

No ano passado, a Estação Cultura, antiga estação ferroviária, também foi alvo de vândalos. O delito foi cometido no final de novembro e um rapaz, preso posteriormente, confessou ser autor de pichações em quatro locais na cidade. A Prefeitura ingressou com ação pedindo a reparação dos danos causados. A administração também ingressou com ações pedindo reparação de pichações no velório, no Ginásio Municipal Oswaldo Bassi e também na Praça Central. A Guarda Civil Municipal realiza um trabalho constante na tentativa de coibir esta e outras práticas delituosas. Vale lembrar que, quando os crimes são cometidos por adolescentes, os pais ou responsáveis são citados para responder civilmente por seus atos.