in

Oseias diz que será o primeiro vereador a assinar cassação do prefeito Leitinho

Parlamentar afirmou, na Tribuna Livre, que prefeito corre o risco de ficar inelegível por conta da atuação de seus secretários e que chefe do Executivo – ‘que fica dando risada’ – precisa de um chacoalhão

oseias-diz-que-sera-o-primeiro-vereador-a-assinar-cassacao-do-prefeito-leitinho-jno
Publicidade
detran-jno

O vereador Oseias Domingos Jorge (DEM) afirmou que será o primeiro a “assinar” um eventual pedido de cassação do prefeito Claudio José Schooder, o Leitinho (PSD), caso documento desta natureza seja protocolado na Câmara de Nova Odessa. O recado foi dado pelo democrata durante uso da Tribuna Livre, na sessão ordinária realizada excepcionalmente nesta quarta-feira em razão do feriado. Em que pese o fato de ter sido eleito pelo grupo político do ex-prefeito Benjamim Bill Vieira de Souza, Oseias é um dos vereadores mais próximos da atual administração. Contudo, o forte discurso contra Leitinho – “que só fica dando risada” – e seus secretários – “que, no final de semana, pegam suas malas e vão embora de Nova Odessa” – dá a entender que o clima de harmonia chegou ao fim.
Embora não tenha deixado claro o motivo do ataque ao prefeito, Oseias deu a entender que o “problema” estaria relacionado aos secretários municipais, mais especificamente, aos titulares de pastas que não são de Nova Odessa. O vereador disse, inclusive, que Leitinho “vem sendo avisado” pelo seu líder de governo, no caso, o vereador Antonio Alves Jorge (PSD), mas que “não dá ouvidos”. “Eu quero só dar um recado ao prefeito Leitinho: só espero que não desça para essa Casa um pedido de cassação, porque esse vereador assina! O líder do seu próprio governo está avisando, que a qualquer momento, qualquer secretário vai deixá-lo inelegível. É vergonhoso o que está acontecendo”, esbravejou Oseias, sem entrar em detalhes.
Ainda de acordo com o vereador, mesmo avisado, o prefeito “fica dando risada” e “brinca de fazer gestão”. Oseias afirmou que não vai mais “passar a mão na cabeça” e que o prefeito corre o risco de sentir “o peso” da sua caneta. “Eu gosto do prefeito Leitinho, estou defendendo ele aqui (na Câmara) e apanhando na Internet porque estou defendendo o prefeito. E ele (Leitinho) está dando risada? Se descer aqui (um pedido de cassação), a primeira assinatura é do Oseias, porque (o prefeito) está brincando de fazer gestão, brincando de administração. Deixa descer aqui e vocês vão sentir o peso da minha caneta”, disse o parlamentar.
Num outro momento, o recado de Oseias é para os secretários municipais que, segundo ele, podem deixar o prefeito inelegível. O vereador, entretanto, não explicou de que forma isso ocorreria. “Gosto do Leitinho, quero ver a administração dele tirar nota mil, mas está na hora de tomar um chacoalhão. Prepara o avião, porque vai começar a turbulência. Podem colocar o cinto”, disse.
Ainda se dirigindo ao primeiro escalão do governo Leitinho, Oseias destacou que recebe, todos os finais de semana, ligações de moradores o questionando sobre assuntos relacionados ao município, enquanto os secretários voltam para suas cidades de origem. “Vocês (secretários), quando chega o final de semana, vão embora. Eu fico aqui. No final de semana, vocês pegam suas malas e cada um vai para um lugar: um vai para Piracicaba, outro vai para não sei onde e os vereadores ficam aqui. Telefone tocando direto, é o nosso (telefone) que fica tocando. E eles (secretários) estavam aonde? E o prefeito, estava aonde? Vocês podem contar comigo, mas não deixar descer aqui (um pedido de cassação) por causa de secretários. Por que se descer aqui, eu assino!”, garantiu o vereador.
A reportagem do Jornal de Nova Odessa solicitou uma posição de Leitinho sobre as declarações de Oseias. Por meio da assessoria de imprensa, o prefeito garantiu que conversou com o vereador sobre o tema e considera o assunto “esclarecido e encerrado” em referência aos termos utilizados pelo vereador.