Descarte irregular de lixo e entulho gera uma multa por dia em Nova Odessa

Todos serão enquadrados na lei municipal 2.883/2014, que prevê multa de R$ 500 na primeira infração e R$ 5 mil para reincidentes

A Prefeitura de Nova Odessa autuou mais dez pessoas na última sexta-feira (2) por descarte irregular de lixo e entulho em uma estrada de terra do município. Os casos foram registrados ao longo da semana por fiscais da Secretaria de Meio Ambiente e os infratores identificados por meio de documentos descartados e placas de carros flagrados no ato do crime ambiental. Em 15 dias, foram 16 autuações na cidade, uma média de mais de uma por dia. Todos serão enquadrados na lei municipal 2.883/2014, que prevê multa de R$ 500 na primeira infração e R$ 5 mil para reincidentes.

As dez autuações emitidas nesta sexta são resultado de descartes feitos na Avenida São Gonçalo, na região rural do município. Os infratores são de Nova Odessa (seis) e Sumaré (4). Outros 20 casos estão sendo investigados. Lixo doméstico, materiais recicláveis (papel, papelão, plástico e vidro), fraldas, contas, pneus, restos de construção, madeira, roupas, tapetes, galhos e animais mortos estão entre os dejetos jogados na avenida.

Publicidade
AllGo Locação de Impressoras

“Todos esses materiais têm destinação correta no município. Os descartes mostram que falta informação a essas pessoas”, avaliou o secretário de Meio Ambiente do Município, Edson Barros de Souza, o “Nenê Gás”. O secretário se refere aos LEVs (locais de entrega voluntária), no Parque Ecológico Izidoro Bordon, no Jardim Europa, e no Bosque Manoel Jorge, no Jardim Santa Rosa, que recebem recicláveis; e ao Ecoponto do Jardim Monte das Oliveiras, aberto para o depósito de restos de construção, pneus e outros resíduos sólidos. “Recomendamos a quem tiver dúvida que ligue para 3476-5728. Vamos dar todas as orientações para que o descarte seja feito de maneira correta”, afirmou Nenê Gás.

A Diretoria de Serviços Urbanos da Prefeitura de Nova Odessa concluiu nesta sexta a remoção do material acumulado na Avenida São Gonçalo. A fiscalização no local e na Avenida Brasil, outro ponto de descarte, foi intensificada e contará com reforço da Guarda Civil Municipal a partir deste final de semana. Das 16 pessoas autuadas entre os dias 18 de julho e 1º de agosto, nove são de Sumaré e sete de Nova Odessa.