in

Carla Lucena avalia a carreira política e não descarta um retorno no futuro

A única mulher a ter ocupado a Presidência do Poder Legislativo na história da cidade de Nova Odessa agradeceu a todos e nos oito anos em que esteve na vereança

Carla pede informações sobre sistema de emissão de conta da Coden
Publicidade
detran-jno

Em um discurso no qual ficou visivelmente emocionada, a vereadora Carla Furini de Lucena (PL) usou a tribuna livre da Câmara de Nova Odessa na sessão de segunda-feira (14) para falar pela última vez aos colegas e a população. A única mulher a ter ocupado a Presidência do Poder Legislativo na história da cidade de Nova Odessa agradeceu a todos e nos oito anos em que esteve na vereança e garante que está afastada da política por enquanto, mas não descarta um retorno futuro.

“Não podia deixar de agradecer a todos que estiveram comigo nesses oito anos de mandato. Vereadores, assessores, funcionários da Casa, amigas, família e a Deus, que me deu oportunidade de viver essa experiência, que foi muito gratificante”, enalteceu Carla Lucena. Ela foi eleita em 2012 e reeleita em 2016 pelo PSDB, que deixou na ‘janela partidária’ deste ano para ingressar no Partido Liberal. A vereadora teve o nome cogitado para concorrer à prefeita pelo PL, mas o partido definiu em convenção municipal que não iria apoiar ninguém para o cargo majoritário, tendo apenas a chapa de vereadores.

A decisão acabou fazendo Carla Lucena desistir até da reeleição para vereadora, alegando que seria “injusto” com os outros pré-candidatos da legenda se voltasse atrás. “Estou fora do processo político a partir de 2021”, garante. “Mas continuo acreditando que a política faz realmente a diferença e pode mudar a vida das pessoas”, frisa. “Quem sabe futuramente possa participar de novo da política”, completa. Carla lembrou os nomes dos ex-vereadores Celso Gomes dos Reis Aprígio, o Celso Concrenova (PSDB), e Avelino Xavier Alves, o Poneis (PSDB), que faleceram em 2018 e 2020, respectivamente.