in

Campanha de desbaratização é iniciada

Ação começou na região do jardim São Manoel, área mais populosa da cidade

O Setor de Zoonoses da Diretoria de Vigilância em Saúde de Nova Odessa iniciou nesta segunda-feira, dia 14, uma nova etapa campanha de desbaratização e desratização na rede de esgoto do município. Realizada a cada seis meses com objetivo de evitar a proliferação de baratas e ratos, a ação começou pela região mais populosa da cidade, nos bairros Jardim Capuava, Alvorada, Santa Rita 1 e 2, Monte das Oliveiras, Jequitibás, Campos Verdes, São Manoel e Palmeiras.

A orientação é que os moradores tampem ralos com panos úmidos ou sacos plásticos, vedem as soleiras das portas com panos ou fitas adesivas, mantenham as latas de lixo tampadas e fechem as caixas de gordura com cimento.

Encarregada pela Vigilância de Zoonoses, a veterinária Paula Faciulli explica que o serviço não causa nenhum tipo de mal aos cidadãos. “A empresa contratada utiliza um processo mais moderno que não emite nem fumaça”, conta ela, que faz um alerta. “No caso de ligações irregulares de águas pluviais (de chuva) na rede de esgoto, dentro da residência, pode sair fumaça”.

O serviço tem apoio da Coden (Companhia de Desenvolvimento de Nova Odessa), responsável pelos serviços de água e esgoto, consistindo na aplicação de inseticida nos postos de visita à rede de coleta e afastamento de esgoto. Após a desbaratização é realizada a desratização, aplicando iscas parafinadas nos poços de esgoto. E, após uma semana, realiza-se a reaplicação. O setor de Zoonoses orienta que ratos e baratas podem ser propagadores de doenças como leptospirose e hantaviroses, entre outros problemas. “Por isso, a campanha é fundamental para a saúde pública”, ressalta Paula Facciuli.

Publicidade
dom-bosco-jno

O processo todo teve início com a primeira fase em outubro de 2017. O cronograma está sujeito a alterações, devido a interferências climáticas ou o próprio bom andamento da obra. “É um norte que temos para os trabalhos, podendo alterar um ou outro bairro e a data. Porém, a estiagem típica deste período é favorável ao bom andamento dos serviços”, pondera.

 Confira o cronograma de serviços:

* De 14 a 19 de maio: Jardim Capuava, Alvorada, Santa Rita 1 e 2, Monte das Oliveiras, Jequitibás, Campos Verdes, São Manoel e Palmeiras.

* De 21 de a 30 de maio: Vila Nova, Green Village, Lopes Iglesias, Letônia, Conceição, 23 de Maio, Altos do Klavin, Klavin, Campo Belo e Condomínios Primavera e Hípica.

* De 4 a 12 de junho: Maria Raposeiro Azenha, Jardim Éden, Maria Helena, Bela Vista, Santa Rosa e Condomínio Imigrantes.

* De 13 a 22 de junho: Jardim São Francisco, Residencial Fibra, Santa Luiza 1 e 2, Nossa Senhora de Fátima, Triunfo e São Jorge.

* De 25 a 29 de junho: Vila Azenha, Jardim Flórida e Fadel.