in

LUTO

Em sintonia com a postura do prefeito Benjamim Bill Vieira de Souza (Bill) e seguindo decreto de luto oficial do governador João Doria (PSDB), o vereador e presidente da Câmara de Nova Odessa, Vagner Barilon (PSDB), pediu um minuto de silêncio durante a sessão extra realizada por videoconferência na quarta-feira (dia 6), quando o Estado de São Paulo ultrapassava 3 mil mortes pelo novo coronavírus (Covid-19). “Dá uma noção do problema que estamos enfrentando e serve para despertar a consciência da população”, disse Barilon.

ATRAPALHA

O vereador e líder de governo na Câmara, Elvis Ricardo Garcia, o Pelé (PSDB), criticou duramente o colega Cláudio José Schooder, o Leitinho (PV), antes da aprovação do projeto que autoriza a Prefeitura a leiloar uma área pública no Parque Industrial Harmonia, avaliada em mais de R$ 260 mil, para destinar o recurso para melhorias no Hospital Municipal. Pelé chamou o colega de “incoerente” ao debater sobre a emissão de pareceres do projeto. “O senhor tumultua e atrapalha, ao invés de fiscalizar. Tenta desvirtuar os projetos da Prefeitura”, disparou Pelé. “Quando for prefeito, aí faz do jeito que quer. Mas por enquanto é vereador”, ironizou.

TRABALHA

“Essa Administração é a única, em 25 anos, que está tendo um trabalho efetivo de melhoramento do canil e gatil”. Com essas palavras, o vereador Pelé comentou outro projeto da Prefeitura aprovado e que autoriza o leilão de área pública em bairro industrial, desta vez avaliada em R$ 450 mil, para reforma e ampliação do canil/gatil municipal, administrado por voluntários da AAANO (Associação dos Amigos dos Animais de Nova Odessa). Antes da sessão, inclusive, o chefe do Gabinete da Prefeitura, André Faganello, se reuniu com alguns dos vereadores e o presidente da entidade, Carlos Pinotti.

COVID

Enquanto o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) tem feito apelos ao STF (Supremo Tribunal Federal) para que o órgão permita a ele decidir pela flexibilização da quarentena contra o coronavírus, o governador João Doria (PSDB) segue firme na posição do isolamento social contra a Covid-19 e ontem confirmou a prorrogação do decreto estadual até o dia 31. A medida acabou frustrando boa parcela dos comerciantes e autônomos.

CASOS

Na RMC, o número de casos confirmados de coronavírus é liderado por Campinas (497), seguido por Hortolândia (79), Indaiatuba (71), Sumaré (63), Americana (54), Vinhedo (40), Valinhos (37), Paulínia (35), Jaguariúna (22), Itatiba (20), Santa Bárbara d’Oeste (13), Nova Odessa (13), Holambra (11), Monte Mor (9), Morungaba (9), Engenheiro Coelho (9), Artur Nogueira (7) , Cosmópolis (6). Pedreira (3) e Capivari (0).