in

RECAPEAMENTO

Publicidade
detran-jno

O vereador Sebastião Gomes dos Santos, o Tiãozinho (PSDB), destaca a obra de recapeamento asfáltico realizada pela Prefeitura de Nova Odessa nas ruas Independência e Professor Carlos Liepin, no Centro. O parlamentar encaminhou duas Indicações este ano ao Poder Executivo, pleiteando o serviço dessas duas vias junto das Ruas Rio Branco, Anchieta e João Bassora, também na área central. Membro da Comissão de Obras, Serviços Públicos, Habitação, Segurança Pública e Desenvolvimento Urbano da Câmara, Tiãozinho ressalta a melhoria no pavimento das vias.

OBRIGATÓRIO

O Governo de São Paulo lançou ontem (1º) um site exclusivo sobre o uso obrigatório de máscaras (saopaulo.sp.gov.br/ coronavirus/mascaras) como prevenção ao coronavírus. A nova página concentra uma série de informações oficiais e atualizadas sobre o tema e ainda disponibiliza o download do cartaz oficial sobre obrigatoriedade de uso da proteção facial, considerada fundamental para reduzir o contágio durante a pandemia.

RECUPERADOS

O Governador João Doria informou também nesta quarta-feira (1º) que o Estado de São Paulo registrou a recuperação de 157 mil pacientes que apresentaram sintomas do novo coronavírus desde o início da pandemia, há pouco mais de três meses. O número de pessoas curadas nos 645 municípios paulistas representa um a cada cinco de todos os brasileiros que já superaram a doença.

DETRAN

O Detran.SP iniciou ontem, uma ação em todo o Estado para a entrega do Certificado de Registro de Veículos (CRV), documento utilizado na transferência. Por conta da suspensão temporária do atendimento presencial nas unidades do Detran.SP, cerca de 320 mil documentos emitidos aguardam para ser retirados. Por meio de um sistema “drive thru”, para evitar aglomeração, e com agendamento marcado, serão atendidos nesta primeira etapa apenas as solicitações de retirada para despachantes.

DESEMPREGADOS

Segundo o IBGE, a pandemia da Covid-19 destruiu 7,8 milhões de postos de trabalho no Brasil até o mês de maio. Isso fez com que a população ocupada tivesse caído 8,3% na comparação com o trimestre encerrado em fevereiro, indo para 85,9 milhões de pessoas. Dentre os postos de trabalho perdidos, 5,8 milhões são de empregos informais, que somam os profissionais sem carteira assinada e por conta própria. A taxa de informalidade caiu de 40,6% para 37,6%, a menor da série que começou a ser contabilizada em 2016.